Jesus, nosso único amor

Jesus, nosso  único amor
Olhai sempre por nós

Sejam bem vindos e mergulhem no Amor de Deus por nós!

Tudo por um mundo cheio do Amor Incondicional de Deus por nós. Mudemos o mundo levando as imagens invisíveis do Céu para a humanidade que hoje só crê nas imagens visíveis.

ZELAR PELA MÃE TERRA

ZELAR PELA MÃE TERRA
Minha doce Mãe, te ofereço essas flores!

quarta-feira, 1 de junho de 2011

"Não esqueçais nunca a importância de desejar alcançar a perfeição, na humildade certamente. É a humildade a que faz que Jesus se sirva de vós, para fazer em vós grandes coisas!"


135. Chegou o tempo de muitos testemunhos.


Quando Jesus era um menino de sete anos, um dia, em razão de sua natureza divina, me disse:

"Mamãe, tu não morrerás nunca! Tu irás para lá de onde Eu vim e feliz viverás para sempre sem que teu corpo se transforme, senão para tornar-se luminoso, e viverás para sempre. Mamãe, Tu não morrerás!"

Fiquei assombrada então, mas sabendo quem era Jesus pensei que dizia verdadeiramente uma verdade, para mim então incompreensível...

Depois de Sua Paixão, depois da Cruz e de Sua Ressurreição, Eu vivi com João numa pequena casa em Éfeso. Via às vezes aos outros Apóstolos, falávamos de Jesus e do que havia dito a eles. Os Apóstolos se foram pelo mundo, mas às vezes regressavam e vinham à nossa casa.

Um dia, estava muito cansada, adormeci. João chorou e pensou que Eu estava morta para a terra. Vieram os outros Apóstolos para a última saudação e encontraram somente flores... Eu havia voado! Levada pelos Anjos, fui ao encontro de Jesus:

"Senhora, chegou em casa! Minha Mãe, Rainha dos Anjos!"

A alegria que senti, e que jamais terminou, é indescritível. A alegria de renascer e de reencontrar-se! Eu não ressuscitei, Eu despertei!

Também vós vos despertareis, se amais a Jesus e o mundo! Se amais ao Pai dos Céus e lhe agradeceis por cada coisa recebida: a vida, o bem, as dores e as fadigas, debaixo do sol e seus raios, pela natureza toda e por vossa liberdade de escolher o bem para a vida, que para todos vós virá.

"Mamãe!" Quando Jesus me chamava, sempre era para Mim uma viva emoção!

"É meu filho e é Deus!"

Minha vida, pobre aos olhos daqueles que a conheciam na aparência, foi riquíssima e intensa. Sentimentos, alegrias, temores. Uma grande responsabilidade, ser a Mãe de Deus feito homem!

Grande assombro em Mim sempre... Aquele que é mais santo, e por isto vos pede Jesus que tenhais santidade, alcança a felicidade antes que outros menos santos.

Isto resulta óbvio dizer-lhe, mas é para que não esqueçais nunca a importância de desejar alcançar a perfeição, na humildade certamente. É a humildade a que faz que Jesus se sirva de vós, para fazer em vós grandes coisas!

Quisera poder-vos fazer compreender a beleza do Reino! Encontrareis o que mais haveis desejado, e sobretudo a quem por um tempo haveis perdido.

Encontrareis a Jesus, e também para vós tanto como para Mim, vê-lo e escutá-lo será uma grande felicidade, imensa, desconhecida na terra...

E encontrareis a Mim, Myriam, vossa "Mãe". Aquela que leva a Jesus vossos pensamentos, os que mandais a Mim! Apareci sempre a criaturas humildes e simples, a inocentes, e também a pecadores... Amo a todos!

Ainda me mostrarei ao mundo, novamente no sol vereis as cores de meu manto! Ainda me mostrarei a uma alma, e narrarei outra vez, para vós muitas coisas daquela minha pobre vida, e ao mesmo tempo riquíssima e intensa.

Durante todos os séculos me manifestei, e para todos, e no segredo para almas privilegiadas. Ainda me manifesto e sou uma criatura como vós, vos amo como Mãe e sou a Mãe de Deus, e portanto, a Única, e vos amo como Mãe!

"Mamãe, vem ver! Floresceu uma rosa branca!"

A primavera: O rosário: os atos de amor! Dá-los a Mim, Eu os levo a Meu Filho. As primaveras: vossas esperanças. Os atos de amor: o que fazeis na caridade em Seu Nome. O rosário: vossas preces! Sentimentos, palavras, obras, amor!

Tudo isto vos prepara o caminho até o Reino, quando renascereis, vós que haveis escutado estas palavras, vos direis a vós mesmos: "É demasiado formoso! No entanto, a Mãe de Deus me havia anunciado!".

Eu me manifesto porque chegou o tempo de muitos testemunhos. Chegou o tempo em que vereis muitas coisas, para vossa fé e para dá-la aos irmãos.


Campo Felice, 15 de Agosto de 1983

Um comentário:

Anônimo disse...

http://prixviagragenerique50mg.net/ viagra generique
http://prezzoviagraitalia.net/ comprare viagra
http://precioviagraespana.net/ viagra precio